Atividades ao ar livre nas férias

Que tal aproveitar o descanso separando tempo para dedicar à natureza?

Compartilhe este post

Durante os dias letivos normais, famílias vivem uma rotina bem cronometrada a fim de encaixar todas as atividades no tempo. Escola, tarefas, aulas extracurriculares (música, esportes, idiomas, etc). Mas quando chegam as férias, a maioria das crianças e adolescentes pensam em ficar enfurnados em suas séries e filmes, videogames ou experimentando guloseimas no sofá. Afora isto, os pais continuam trabalhando e pode ser complicado organizar passeios ou atividades que proporcionem contato com o ar livre. É importante que durante este período os estudantes descansem corpo e mente. Estar na natureza e fazer atividades físicas é essencial neste processo.

Ambientes externos estimulam a criatividade, a interação positiva com o outro e a concentração. Também melhoram a imunidade, a capacidade de aprendizado e a qualidade do sono. Estar ao ar livre libera endorfina, melhorando humores e autoestima. Considerando tudo isto, e a dificuldade de sincronizar agendas das famílias nas férias, há atividades fáceis que podem sanar muito bem esta necessidade. Confira as dicas.

1. Fazer pipas, bolinha de sabão e bexigas de água

Que tal em um fim de semana construir uma pipa para ser usada durante as férias? Esta é diversão barata e certeira para render um dia repleto de aventuras. Na internet é possível encontrar várias instruções e modelos para produzir sua pipa. E na hora de empinar, é só ter cuidado para ir em um terreno descampado. Outra ideia legal é juntar a vizinhança para fazer uma competição de bolhas de sabão ou bexigas de água. Com um arame moldado e uma mistura de água e detergente, a festa está pronta. Outra opção é se divertir com bexigas recheadas com água. É claro, a turma pode criar, em espaços abertos, alvos para as tacadas. Podem criar times e ver quem derruba o maior número de alvos no menor tempo. Além disso, colocar um pouco de corante na água da bexiga pode ser uma divertida forma de diferenciar as equipes.

2. Jardinagem e plantação

Vivendo em espaços urbanos é difícil ter contato constante com atividades como jardinagem e plantação. Mas nas férias, que tal começar uma pequena horta, ou plantar flores no jardim de casa ou no canteiro da rua? Quem sabe até fazer a experiência do feijão no algodão? Além do contato com a natureza, crianças e adolescentes desenvolverão senso de responsabilidade. Afinal, plantas precisam ser lembradas e cuidadas constantemente.

3. Picnic caseiro e bicicletas

Junte o pessoal da rua, combine um cardápio (pode ser qualquer coisa gostosa que tenham em suas casas). Pegue uma toalha ou lençol e participe de um picnic na praça do bairro ou no quintal de um dos participantes. É uma atividade simples, mas que promove a interação, descontração e o contato com um ambiente ao ar livre. Outra ideia pode ser realizar um passeio de bicicleta em grupo. É só escolher uma rota interessante ou desafiante, colocar água e lanchinhos na mochila, sair bem cedo para aproveitar o clima, as paisagens e a interação!

4. Parques naturais

Se houver tempo, que tal levar a família para conhecer um parque natural? Na maioria das regiões do Brasil há locais de preservação, cheios de ar puro e curiosidades que podem valer uma bonita caminhada e um dia tranquilo cheio de endorfinas. Junte-se a mais famílias e planeje uma excursão que trará benefícios para todos os envolvidos.

5. Acampamento e trilha

Uma boa ideia para atividade ao ar livre durante as férias é acampar. Se a família tiver tempo e condições de viajar até locais com campings diferentes, a opção se enriquece. Mas às vezes isto não é possível. Ainda assim, se sua casa tem um quintal grande ou varanda, use para criar uma noite de verão com acampamento caseiro. Arme barracas no espaço, ou crie pequenas tendas com lençóis. Prepare lanchinhos fáceis e guloseimas para quebrar a rotina. Pipoca ou salgadinhos também são excelentes opções. Daí, é só partir para a “contação de histórias” e a interação divertida. Caso nada disto seja possível, convide um grupo para uma caminhada diferente no final de semana. Se exercitar é ótimo para melhorar o sono e o humor.

Bem, as férias não precisam ser cheias de dispositivos eletrônicos, nem marcadas pelo sedentarismo. O contato com a natureza potencializa grandemente a construção de um ambiente e corpo saudável para as atividades rotineiras que se seguirão às férias. Com as dicas que você já tem, sabe que é possível realizar atividades ao ar livre com pouco tempo, dinheiro ou espaço. Que tal fazer uma tentativa neste mês de julho?

Explore outros conteúdos

A Plataforma de Ensino Digital – Weekly – é uma solução inovadora para o ensino on-line. Proporciona um ambiente virtual de aprendizagem e o acesso a diversos recursos digitais conectados ao Sistema de Ensino Interativo.